80 anos do Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra

80 anos do Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra

Homenagem no FATAL 2018

A 19.º edição do FATAL - Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa, que decorre de 10 a 19 de maio, presta ao Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra (TEUC) uma mais do que merecida homenagem, no ano em que esta estrutura comemora 80 anos de atividade.

O Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra (TEUC) foi fundado em 1938, sendo atualmente o grupo de teatro académico, em atividade contínua, mais antigo da Europa.

Dirigido ao longo dos seus primeiros 30 anos por Paulo Quintela, o TEUC tornou-se uma escola de atores, encenadores, formadores, diretores, cenógrafos, figurinistas, técnicos de luz e som. Por lá passaram nomes como os de Luís de Lima, Adolfo Gutkin, Ricardo Pais, Rogério de Carvalho, João Grosso ou António Duraes.

Segundo a direção do FATAL, "desde o primeiro dia que o TEUC se caracteriza pela vontade dos jovens, pela sua inovação e empreendedorismo. No passado, nomeadamente durante o período do Estado Novo, foi um centro de resistência a todas forças que tentaram limitar a criatividade e a criação artística, em todas as suas vertentes. Lutou pela Liberdade e, quando ela chegou, não mais baixou os braços. Muito pelo contrário. Fez dela a sua essência, cresceu e tem vindo a florescer naquilo que é hoje: um local de experimentação e aprendizagem, de expressão de sonhos e vontades de denominador comum."

Por estas e outras tantas razões, esta é uma homenagem que urgia. FB  

Relacionado

Arquitetura dos Pássaros

FATAL 2018

Teatro › Espetáculos
18 mai/18
Avenida Gomes Pereira, 17
1549-019 Lisboa

FATAL 2018

Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa

Formulário de procura

Lisboa Cidade Triste e Alegre