HOMENAGEM A EDMUNDO FERREIRA DE ALMEIDA

HOMENAGEM A EDMUNDO FERREIRA DE ALMEIDA

Cinema › Ciclos
24 a 30 out/14
  • "Sangue Toureiro" de Augusto Fraga 
  • "Capas Negras" de Armando de Miranda 
  • "A Piscina" de Jacques Deray 
  • "Romance em Nova Iorque" de Peter Bogdanovich 

Figura de destaque na história do cinema português, Edmundo Ferreira de Almeida foi protagonista de uma extensa e importante atividade designadamente como produtor, no contexto da Produtores Associados; distribuidor, através da Exclusivos Triunfo; e exibidor, no Cine-Teatro de Paços de Arcos, no portuense Cine-Teatro Vale Formoso e no Cinema 2000, de Algés.

Programa:

CAPAS NEGRAS
De Armando de Miranda, com Amália Rodrigues, Alberto Ribeiro, Artur Agostinho, Vasco Morgado
Portugal, 1947 – 99 min | M/12
CAPAS NEGRAS tem direção musical de Jaime Mendes, canções de Frederico Valério, Raúl Ferrão, Jaime Mendes, Ângelo Araújo, Santos Moreira, Alberto Ribeiro, interpretadas por Amália Rodrigues, Alberto Ribeiro e Domingos Marques. A história, melodramática, segue o romance de um estudante de direito em Coimbra, José Duarte, com uma rapariga, Maria Lisboa, cujo idílio termina quando ele conclui o curso e parte para o Porto por se julgar traído. Mais tarde, a rapariga é acusada de abandonar um filho e levada a tribunal onde José Duarte a defenderá. Produção Produtores Associados. A apresentar em cópia nova 35mm resultante de um trabalho de restauro do laboratório fílmico da Cinemateca.
24 out: 21h30
 
ENCONTRO COM A VIDA
De Arthur Duarte, com Rogério Paulo, Maria Dulce, Luz Veloso, Maria Olguim, Fernando Curado Ribeiro
Portugal, 1960 – 111 minutos | M/12
A dicotomia entre a cidade e o campo está no centro do filme de Arthur Duarte, cuja intriga narrativa segue a história de amor e suposta infidelidade de Manuel de Sousa e Ana Maria, um médico de província que se instala em Lisboa e a mulher com quem casa na capital. ENCONTRO COM A VIDA é mostrado na sua versão não censurada. Produção Produtores Associados.
28 out: 19:30
 
SANGUE TOUREIRO
De Augusto Fraga, com Amália Rodrigues, Diamantino Vizeu, Erico Braga, Carmen Mendes
Portugal, 1958 – 92 min | M/6
SANGUE TOUREIRO reúne Amália (por esta altura, já firmada como atriz de cinema) e o célebre toureiro Diamantino Vizeu, cuja representação empresta o realismo à ação do filme. Nele se joga grande parte da aposta do filme. Produção Produtores Associados.
28 out: 22h
 
CASQUE D’OR
Aquela Loira
De Jacques Becker, com Simone Signoret, Serge Reggiani, Claude Dauphin, Raymond Bussières, Gaston Modot
França, 1952 – 98 min / legendado em português | M/12
Um dos mais belos filmes franceses de sempre e talvez a obra-prima de Jacques Becker. Raras vezes, no cinema, uma “reconstituição” de época (o fim do século XIX) conseguiu recriar, de forma tão perfeita, um estilo de vida e o espírito do tempo. Casque d’Or (Simone Signoret) é a bela amante de um bandido, Manda (a melhor criação de Serge Reggiani no écran), que acaba traído pelo chefe do grupo. Distribuição Exclusivos Triunfo, estreado em 1954.
29 out: 19h30
 
LA PISCINE
A Piscina

De Jacques Deray, com Alain Delon, Romy Schneider, Maurice Ronet, Jane Birkin, Paul Crauchet
França, 1968 – 120 min / legendado em português | M/12
Delon e Ronet voltam a encontrar-se, nove anos depois de PLEIN SOLEIL, em papéis que se aproximam. Ronet é um velho amigo de Delon que vem perturbar a felicidade deste em companhia de Romy, lembrando velhas ligações, e acabará vítima de uma morte “acidental” na piscina. Deray constrói de forma notável a progressão da calma para a tensão que se desenvolve ao longo do filme. LA PISCINE ficou também famoso por Romy Schneider desnudar o peito, o que fez correr ao Tivoli uma multidão em 1969 (estava-se na “primavera marcelista”). Distribuição Exclusivos Triunfo.
29 out: 22h

SZEGËNELEGÉNYEK
Os Oprimidos

De Miklos Jancsó, com Janos Görbe, Tibor Molnár, András Kozák
Hungria, 1965 – 88 min / legendado em português | M/12
Miklos Jancsó estreou-se nas longas-metragens em 1958 e sempre adotou um estilo cinematográfico particular, bastante distinto do estilo das novas vagas da Europa Central. Jancsó faz um cinema quase coreografado, mas no âmbito de uma reflexão sobre a história da Hungria, “em que vencedores e vencidos são levados pelo mesmo turbilhão”. Situado em 1869, OS OPRIMIDOS aborda a pacificação do país, a liquidação de um bando de bandidos românticos, com a intenção, segundo as palavras do realizador, de “convidar os húngaros a perceber que a nossa história é bem menos agradável do que costumamos pensar.” Distribuição Exclusivos Triunfo.
30 out: 19h30
 
THEY ALL LAUGHED
Romance em Nova Iorque

De Peter Bogdanovich, com Audrey Hepburn, Ben Gazzara, John Ritter, Dorothy Stratten, Collen Camp
Estados Unidos, 1981 – 112 min / legendado em português | M/12
O travo melancólico dos filmes de Bogdanovich numa peregrinação romântica a Nova Iorque, em que se cruzam as referências a BREAKFAST AT TIFFANY’S (a atmosfera de Greenwich Village dos anos sessenta) e a HUSBANDS de Cassavetes (a boémia de Times Square nos anos setenta) com um romance, algo nostálgico, algo serôdio, entre Audrey Hepburn e Ben Gazzara, que não disfarçam a idade. Belíssimo e pungente. Distribuição Exclusivos Triunfo, estreado em 1982.
30 out: 22h

Local

Rua Barata Salgueiro, 39
1269-059 Lisboa

Formulário de procura

OP'17

Continuam

MONSTRA – Festival de Animação de Lisboa

Cinema › Cursos / Encontros
Até 15 jan/18

Curso de Representação para Televisão e Cinema

Cinema › Cursos / Encontros

A Arte em Imagens

Cinema › Ciclos
Até 7 jan/18