Mostra de Cinemas Ibero-Americanos – No escurinho do cinema

Mostra de Cinemas Ibero-Americanos – No escurinho do cinema

2017

Cinema › Festivais
4 a 16 dez/17
  • "Aquí no ha pasado nada" de Alejandro Fernández Almendras 
  • "Tierra Mojada" de Juan Sebastián Mesa 
  • "La defensa del dragón" de Natalia Santa 

A Casa da América Latina apresenta a Mostra de Cinemas Ibero-Americanos – No escurinho do cinema. A já habitual Mostra de Cinema da América Latina (que se realiza há sete anos consecutivos), associou-se este ano à Passado e Presente – Capital Ibero-americana de Cultura 2017, alargando o seu âmbito ao espaço ibérico. Prolongando-se por 13 dias, tem a curadoria de Carlos Nogueira (Portugal) e Teresa Toledo (Cuba), contando com cerca de 40 filmes e a presença nas sessões de vários realizadores ibero-americanos.

A Mostra começa com a exibição de Aquí no ha pasado nada, de Alejandro Fernández Almendras, recentemente considerado por uma assembleia de críticos o melhor filme chileno do século XXI, e terminando com Tierra mojada, de Juan Sebastián Mesa (competição oficial de curtas-metragens do Festival de Veneza) e La defensa del dragón, da estreante Natalia Santa (Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes).

O evento incide em particular em novos cineastas (das 30 longas-metragens exibidas, 11 são primeiras obras), em nomes de gerações históricas das cinematografias da região, em documentários de exceção, em obras mais experimentais que integram com sucesso a irrupção das novas tecnologias, não esquecendo filmes que alguns se atrevem já a considerar clássicos modernos.

Local

Avenida da Liberdade, 175
1250-135 Lisboa

Relacionado

Formulário de procura

Continuam

Enquadramentos

Cinema › Cursos / Encontros
3º sáb do mês: 10h

Cursos de cinema e televisão

Cinema › Cursos / Encontros

PROCURAM-SE FILMES CASEIROS, DOMÉSTICOS, AMADORES E DE FAMÍLIA

Cinema › Cursos / Encontros