O universo dos livros cartoneros

O universo dos livros cartoneros

Literatura
5 mar a 2 jun/18

Segunda a sexta, das 9h30 às 19h30 | sábado, das  9h30 às 17h30

Conta-se que, no início deste milénio, o escritor Washington Cucurto e o artista plástico Javier Barilaro tinham a intenção de criar na Argentina uma editora, mas como não tinham recursos para tal – as contas bancárias estavam congeladas – tiveram a ideia de fazer, por «brincadeira», um livrinho com textos fotocopiados e com capas de cartão. Daqui surge, em 2003, a hoje histórica editora Eloísa Cartonera. A partir da experiência da Eloísa Cartonera, na Argentina, começam a surgir outras editoras similares: a Sarita Cartonera, no Peru, a Animita Cartonera, no Chile, a La Cartonera Cuernavaca, no México, a Yerba Mala, na Bolívia, a Dulcineia Catadora, no Brasil... São editoras independentes, sem vínculos ou apoios institucionais, de forte cariz comunitário. Produzem livros artesanais, de baixo custo e aspeto rudimentar mas que se destacam pela intervenção plástica nas capas de cada exemplar, tornando-os objetos únicos. Esta exposição constitui uma pequena amostra do heterogéneo universo dos livros cartonerose nela o visitante poderá observar o que editoras de diversos países da América Latina e da Europa publicam. O espírito que a guia é o de permitir que o público português conheça a proposta editorial que nasceu da precariedade e hoje se espalha pelo mundo.

A mostra é comissariada por Fernando Villarraga-Eslava, da editora Vento Norte Cartonero, e pelo editor Vasco Silva.

Informações Úteis

Patente na Sala de Referência.

Entrada livre.

Local

Campo Grande, 83
1749-081 Lisboa

Formulário de procura

Lisboa Cidade Triste e Alegre

Continuam

Poesia no Museu

Literatura
31 Jan; 28 Fev; 7, 21 Mar; 11 Abr; 2 , 16 Mai; 27 Jun/18

Terças de Poesia Clandestina

Literatura
6, 20 Mar; 03, 17 Abr; 1,19, 29 Mai; 05, 26 Jun/18

Enciclopédia dos Migrantes

Literatura
9 Abr e 31 Mai/118