Antologia de Poesia Erótica

Antologia de Poesia Erótica

Poesia Bocage

Data:

Sob o título geral de Antologia de Poesia Erótica, a presente selecção inclui os poemas mais significativos de Bocage no campo amoroso em geral, e não apenas no domínio erótico ou mesmo pornográfico. Começa por duas sequências de sonetos (amorosos e eróticos), seguidas de três canções, uma Arte de Amar, três poemas pornográficos, as Cartas de Olinda a Alzira, duas cantatas (À Morte de Inês de Castro e À Morte de Leandro e Hero) e A Epístola a Marília. Sobre os poemas mais declaradamente eróticos do grande poeta, escreve Fernando Pinto do Amaral, organizador e prefaciador deste volume: “para lá das manifestações de uma sexualidade libertina (…) persistiu em Bocage, ao longo do tempo, a afirmação hedonista de um erotismo que exprime tão-somente uma natural alegria de viver e uma noção de que só pela entrega ao prazer conseguimos alguma miragem de felicidade neste mundo”. Porém, os seus poemas amorosos ocultam já “uma visão essencialmente romântica da paixão e dos seus efeitos devastadores”.

260 páginas

Ficha Técnica

Organização e prefácio de Fernando Pinto do Amaral

Formulário de procura

Sardinhas

Livros

Problemas de Género

Estudos
Judith Butler

1640

Romance
Deana Barroqueiro

Desenhos Efémeros

Artes
António Jorge Gonçalves

A Princesa de Clèves

Romance
Madame de La Fayette

Marotices

B.D. Ilustração
Marion Fayolle

Nunca Me Deixes

Romance
Kazuo Ishiguro

Teatro Pós-Dramático

Artes
Hans-Thies Lehmann

Antologia de Poesia Erótica

Poesia
Bocage

HISTÓRIAS DE ADORMECER PARA RAPARIGAS REBELDES

Infanto-Juvenil
Elena Favilli e Francesca Cavallo

O Mundo É Redondo

Infanto-Juvenil
Gertrude Stein

Morte pela Água

Romance
Kenzaburó Óe

Lord Lilford on Birds and Flowers

Poesia
Pedro Miranda Albuquerque