Dias Úteis

Dias Úteis

Romance Patrícia Portela

Editora: Editorial Caminho
Data:

Miguel Real, escritor, filósofo e crítico, considerou Patrícia Portela “a romancista mais inovadora existente hoje em Portugal”. Nascida em 1974, trabalha em teatro, dança e cinema, é autora de performances e de obras literárias. Este livro é, à semelhança das suas obras anteriores, O Banquete, Wasteband ou A Colecção Privada de Acácio Nobre, inclassificável. É composto por um prefácio fora de jogo e uma didascália com indicações dadas pelo livro sobre a forma como deve ser lido: “de preferência sem interrupções” ou “não me leias para passar o tempo”. O corpo principal da obra é formado por sete contos de temática diversa, um para cada dia da semana. No final, um epitáfio por preencher com a seguinte anotação: “A obra aqui pretende deitar abaixo um governo só com o seu epitáfio. Sabendo que se limita a cumprir o namoro das musas por sílabas roubadas, a obra aqui não se inscreve e deixa espaço em branco para que lhe caiba outra sorte”. 

112 páginas

Formulário de procura

Sardinhas

Livros

Morte pela Água

Romance
Kenzaburó Óe

Lord Lilford on Birds and Flowers

Poesia
Pedro Miranda Albuquerque

Autobiografia

Outros
Mário Dionísio

Cinzento e Dourado

Estudos
Vasco Rosa

Problemas de Género

Estudos
Judith Butler

1640

Romance
Deana Barroqueiro

Desenhos Efémeros

Artes
António Jorge Gonçalves

A Princesa de Clèves

Romance
Madame de La Fayette

Marotices

B.D. Ilustração
Marion Fayolle

Nunca Me Deixes

Romance
Kazuo Ishiguro

Teatro Pós-Dramático

Artes
Hans-Thies Lehmann

Antologia de Poesia Erótica

Poesia
Bocage