Estrada Nacional

Estrada Nacional

Poesia Rui Lage

Editora: Imprensa Nacional-Casa da Moeda
Data:

O volume de poemas Estrada Macional, Prémio Literário Fundação Inês de Castro 2016, encerra um ciclo dedicado ao mundo rural e dá continuidade a uma reflexão frequentemente sarcástica sobre o Portugal contemporâneo. Convém referir, porém, que a aldeia de Rui Lage é o mundo, como sublinha num dos poemas: “não são as aldeias mundo / como o demais imundo?” Esta é uma viagem com partida e regresso pelo mundo rural, com o itinerário definido poema a poema, estrada a estrada. Mas, para o poeta: “Toda a viagem é inversão de marcha”. Por isso, este é também um livro sobre a infância e a evocação dos “antepassados traídos”, os avós, a "Maria do Carmo". E, sobretudo, uma meditação sobre a finitude e a constatação (dolorosa?) de que o mundo rural é um “museu/ onde as estátuas estão todas mortas / e os quadros são todos falsos”. Que “As estrelas dão-se a morte lá no alto, / e só nelas, nas suas vastas e atrozes parcelas, / no seu mudo e disperso povoamento, / ainda há vida no campo”.           

74 páginas

Formulário de procura

OP'17

Livros

Dicionário Sentimental do Adultério

Outros
Filipa Melo

Poesis

Poesia
Maria Teresa Horta

Diante do tempo

Ensaios
Georges Didi-Huberman .

A História do Mundo para Pessoas com Pressa

Outros
Emma Marriott

O Signo

Ensaios
Umberto Eco

Dentes de Rato

Infanto-Juvenil
Agustina Bessa-Luís

Esta Noite Sonhei com Brueghel

Romance
Fernanda Botelho

Poemas

Poesia
Mário de Sá-Carneiro

Fernão de Magalhães

Outros
Stefan Zweig

As Mil e uma Noites

Romance

Forte como a Morte

Romance
Guy de Maupassant

A Conquista do Inútil

Artes
Werner Herzog